fbpx

Auditto Trends #12

Auditto Trends: Este é o resumo semanal de notícias que a Auditto preparou para você com os destaques das áreas contábil, fiscal e de tecnologia. Veja os principais tópicos dessa semana:

Empresários que dormem pouco não performam. Pesquisas divulgadas pelo Harvard Business Review analisaram como empreendedores respondem a diferentes estados de cansaço ao tomar decisões, derrubando o mito de que empresários bem-sucedidos dormem pouco. Foram três estudos, todos com resultados parecidos: empreendedores mais descansados conseguiram trazer propostas menos óbvias e tiveram ideias mais criativas. Aqueles que estavam mais cansados tinham uma visão superficial e foram incapazes de gerar ideias de negócio inovadoras. SAIBA MAIS!

Aliexpress quer “Black Friday chinesa” no Brasil. A Aliexpress, plataforma eletrônica do grupo chinês Alibaba, planeja criar no Brasil um evento de vendas online para disputar espaço com a Black Friday. O objetivo é emplacar o chamado “Dia do Solteiro” chinês, também chamado de “Double 11” por acontecer no dia 11 de novembro — isto é, 18 dias antes da Black Friday. De acordo com a empresa, a ideia é oferecer descontos de até 70%. No ano passado, o Dia do Solteiro foi responsável por US$ 30 bilhões em vendas — a maior cifra já registrada em um evento de e-commerce em um único dia, ultrapassando a Black Friday norte-americana. SAIBA MAIS!

iFood irá testar robôs para delivery. O aplicativo de entrega de comidas iFood irá incluir robôs automatizados na etapa inicial ou final do processo de delivery, informou à Folha de S. Paulo Fernando Martins, gerente de inovação logística da empresa. Os robôs estão sendo desenvolvidos pela empresa paulista Synkar e devem ficar prontos em janeiro. A operação comercial está prevista para o segundo semestre de 2020, mas depende de parcerias com shoppings centers e da regulamentação sobre os veículos automatizados nesses locais. SAIBA MAIS!

Centauro faz parceria com B2W. A Centauro fechou uma parceria com a B2W, controladora de sites como Americanas.com e Submarino, para criar uma plataforma de comércio eletrônico. As duas empresas vão lançar o site Centauro by Americanas.com, que oferecerá marcas e produtos que, segundo a B2W, só estavam disponíveis anteriormente em sites especializados. O cliente pode retirar os artigos nas lojas físicas da Centauro ou optar pela entrega expressa em endereços próximos aos pontos de venda da marca. Atualmente, 20% das vendas da Centauro são feitas pela internet. SAIBA MAIS!

Imposto único elevará escola e saúde, dizem empresas. Representantes de hospitais, planos de saúde e escolas particulares se dizem prejudicados pela criação de um imposto único sobre bens e serviços e pressionam deputados e senadores a alterarem as propostas de reforma tributária que tramitam no Congresso. Para os gestores dessas áreas, as propostas de unificação de tributos da Câmara e do Senado elevam a carga de impostos dessas empresas e levarão ao aumento nos preços de serviços como mensalidades escolares e planos de saúde, de até 20%, que seria o percentual estimado de aumento da carga tributária desses serviços. SAIBA MAIS!

De olho em superapp, Magalu captará R$ 5 bi em oferta de ações. Com as ações em alta de quase 100% em 2019 e de mais de 1.000% desde 2017, a varejista Magazine Luiza pretende aproveitar o bom momento para um nova emissão de ações. Executivos da varejista começaram rodadas de reunião com investidores no Brasil, em Nova York e em São Francisco para levantar até 5 bilhões de reais em uma nova oferta de ações. Segundo um executivo, a empresa quer atrair investidores de empresas de tecnologia. O dinheiro deve ser usado para financiar o crescimento e a transformação definitiva do Magazine Luiza de uma rede de varejo em uma plataforma, com o objetivo final de criar um “superapp”. A varejista pretende incluir novas categorias de produtos em seu marketplace, reduzir o tempo de entrega e desenvolver novas tecnologias e serviços para os varejistas, como adiantamento de recebíveis. Novas aquisições não estão descartadas. SAIBA MAIS!

TRF-SP impede redução de PIS/Cofins no regime monofásico. Depois de o Supremo Tribunal Federal (STF) decidir pela exclusão do ICMS do cálculo do PIS e da Cofins, os contribuintes passaram a obter decisões para aplicar o entendimento também aos casos em que o imposto estadual é recolhido por meio de substituição tributária (ICMS-ST). O mesmo não ocorre, no entanto, com aqueles que não pagam diretamente as contribuições sociais – que estão no chamado regime monofásico. Esse é mais um dos desdobramentos do julgamento do STF de março de 2017. Os ministros não trataram, na ocasião, das situações que envolvem o ICMS-ST nem do regime monofásico do PIS e da Cofins. Por isso, há novas discussões no Judiciário. SAIBA MAIS!

Post by Saulo Novaes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0
0
image
https://auditto.com.br/wp-content/themes/hazel/
https://auditto.com.br/
#26ade4
style1
paged
Carregando...
/var/www/auditto/
#
on
none
loading
#
Sort Gallery
on
no
yes
off
off
off